Produção de S.T.A.L.K.E.R 2 fala da guerra e suas consequências

12

A guerra Russo-Ucraniana tem afectado muita gente, directa ou indirectamente. Já falámos algumas vezes como a GSC Games World se tem adaptado para produzir S.T.A.L.K.E.R. 2 – Heart of Chornobyl.

Agora na segurança, relativa, da República-Checa há cerca de um ano, a produtora Ucraniana teve direito a um artigo especial na revista Wired. No artigo “O que é preciso para criar um jogo numa zona de guerra”, a reportagem fala da experiência da equipa na sua sede oficial em Kiev nos momentos que antecederam a invasão, a evacuação parcial da equipa, as dificuldades de ter uma parte da produção ainda na Ucrânia e, claro, as expectativas quanto ao jogo e ao seu futuro na produção de jogos.

Há também uma menção interessante, que S.T.A.L.K.E.R. 2 pretende ser uma “expressão artística” do povo Ucraniano, na sua resiliência de sobreviver apesar das circunstâncias, tendo como ponto de arranque, a célebre alteração no título. E, porque estas coisas são sempre assim, no final a atenção dada à guerra na Ucrânia também trará uma atenção especial ao jogo. Não é por isso que é para nós um dos jogos mais esperados de 2023 mas contribuirá, sem dúvida, para a sua popularidade.

Recentemente adiado, S.T.A.L.K.E.R. 2 – Heart of Chornobyl está previsto para a primeira metade de 2023. Será um exclusivo temporário para Xbox Series X|S e PC, sendo também lançado no Xbox Game Pass no mesmo dia.