The Legend of Zelda

Todas as novidades da última Nintendo Direct

A última Nintendo Direct, transmitida ontem à noite, trouxe uma panóplia de novidades para a Nintendo Switch. Entre elas, estão anúncios de novos jogos, datas de lançamento e regressos de clássicos da Super Nintendo, com direito a um comando a condizer.

Sequela de The Legend of Zelda: Breath of the Wild em produção.

A Nintendo Direct, transmitida durante a E3 2019, revelou uma grande surpresa no final. Uma que escapou das inúmeras fugas de informação deste ano e deixou toda gente surpreendida: The Legend of Zelda: Breath of the Wild já tem uma sequela em produção.

Nintendo Direct apresenta muitos jogos novos

Depois de tantos meses de ausência, a Nintendo finalmente transmitiu um novo Nintendo Direct. A transmissão feita directamente de Kyoto fez um balanço das novidades que vão chegar à Nintendo Switch. E ainda houve espaço para algumas surpresas.

Jogos que completam 20 anos em 2018:
The Legend of Zelda: Ocarina of Time

0

Este artigo pertence à rubricaJogos que completam 20 anos em 2018”, onde abordamos títulos memoráveis e que, de certa forma, deixaram a sua marca na indústria até aos dias de hoje. Por cá, já passaram títulos como Gran Turismo, Half-Life e Grim Fandango. Hoje temos um jogo de aventura que marcou uma geração.

Já é conhecido o segundo DLC de Breath of the Wild

Já tínhamos falado aqui sobre o primeiro DLC da mais recente aventura do Link. Contudo, só agora a Nintendo divulgou o seu primeiro trailer. Este vídeo mostra todas as novidades e ainda confirma que este segundo DLC irá chamar-se Champions of Hyrule

Mais um vídeo sobre o “making of” de Breath of the Wild

The Legend of Zelda: Breath of the Wild é um dos jogos mais falados do momento, pelas melhores razões. Não é surpresa que queiram saber mais detalhes sobre o jogo. Como tal, a Nintendo deu-nos a conhecer os bastidores deste jogo através de diversos vídeos sobre a sua produção. Eis mais um.

Viajem até aos bastidores do jogo The Legend of Zelda

The Legend of Zelda: Breath of the Wild tornou-se recentemente o maior título de lançamento de sempre da Nintendo na Europa, recebendo algumas melhores análises de videojogos. A Nintendo convida-nos agora a visitar os bastidores do seu título de sucesso para conhecer todos os detalhes da sua produção.

The Legend of Zelda: Breath of the Wild já está Gold

The Legend of Zelda: Breath of the Wild tem lançamento marcado para o início de Março em conjunto com a consola Nintendo Switch. Contudo, quem seguiu os desenvolvimentos do jogo desde o seu anúncio em 2013, teria algumas dúvidas se a Nintendo iria concretizar a sua data de lançamento depois de tantos adiamentos. Podem descansar, já está Gold. 

Os jogos revelados para a Nintendo Switch

A Nintendo apresentou recentemente a sua consola Nintendo Switch, uma plataforma híbrida que nos permite jogar numa televisão como uma consola doméstica e, ao mesmo tempo, levá-la connosco para qualquer lugar como uma portátil. Contudo, como é de conhecimento geral, uma nova consola precisa de um bom apoio das produtoras de jogos, garantindo bons títulos, entre versões multi-plataforma e exclusivos.

Vejamos os jogos previstos de chegarem à consola no decorrer de 2017, com especial destaque para os títulos que têm data de lançamento marcada já para o dia de lançamento da consola a 3 de Março.

Os jogos que mais aguardamos para 2017

Aqui no WASD já deu para perceber que temos três redactores com gostos diferentes. Contudo, temos um consenso: Se 2016 foi fantástico em termos de novos lançamentos, 2017 será igualmente grandioso. Ou assim desejamos com esta nossa lista de jogos que mais esperamos.

Nintendo Switch demonstrada ao vivo no programa de Jimmy Fallon

Reggie Fils-Aimé, presidente da Nintendo of America, passou pelo famoso programa The Tonight Show, apresentado por Jimmy Fallon, para falar do jogo Super Mario Run, mas no final e na presença do próprio Shigeru Miyamoto, Reggie acabou por revelar a Nintendo Switch e também The Legend of Zelda: Breath of the Wild na nova consola.

The Legend of Zelda: Breath of the Wild com novo vídeo de jogabilidade

O título que conquistou os corações dos jogadores durante a E3 continua a dar que falar. Arrecadou o prémio de jogo mais antecipado de 2017 e os fãs continuam desesperados por lhe colocar as mãos. Estamos a falar de The Legend of Zelda: Breath of the Wild que recebeu um novo vídeo de jogabilidade nestes The Game Awards.

Nintendo E3 2016 – The Legend of Zelda: The Breath of the Wild

A Nintendo revelou hoje o tão esperado novo título para a série The Legend of Zelda que será lançado algures em 2017 para a Nintendo Wii U e para a próxima consola da gigante nipónica, a também muito esperada Nintendo NX

Novo The Legend of Zelda adiado para coincidir com lançamento da NX

Depois da grande revelação, ficámos a saber que a Nintendo não terá disponível a nova consola NX para mostrar ao público na sua conferência da E3 2016. Contudo, sabemos qual será o seu principal foco para a feira deste ano. 

Conhece as novidades de Twilight Princess HD

O novo trailer do The Legend of Zelda: Twilight Princess HD apresenta-nos todas as novidades entre a versão original da Gamecube e esta nova que será lançada no início de Março para a Nintendo Wii U. 

Vejam os amiibos em acção no The Legend of Zelda: Twilight Princess HD

O jogo The Legend of Zelda: Twilight Princess, originalmente lançado para Gamecube e Wii, vai receber um tratamento de alta definição, tal como aconteceu com o Wind Waker. Além da reedição, o jogo terá ainda suporte para amiibos. Mais especificamente, o novo Link Lobo que irá desbloquear uma dungeon nunca antes vista.

Nintendo New 3DS XL com o Hylian Crest gravado no seu topo

Quando a Nintendo anunciou a sua parceria com a Tecmo Koei, a produtora responsável por Dynasty Warriors, longe estavam os fãs de pensar no género de jogo que viria a ser o Hyrule Warriors. A verdade é que foi bem recebido pela crítica, principalmente pela inovação que trouxe à série. Meses mais tarde, a Nintendo anunciou que iria trazer o mesmo jogo para a sua consola portátil com o nome Hyrule Warriors: Legend.

Spotify na PS4: Um passo na direcção certa

Foi há bem pouco tempo, com a mais recente actualização da PS4 e PS3, que chegou aos jogadores das consolas da Sony a oportunidade de jogar e ouvir a música que quiserem, quando quiserem. O facto é que, por vezes, por muito boa que seja a banda sonora, por vários motivos queremos ouvir outra coisa, mas sem deixar de jogar para o fazer. Claro que isto no PC não é uma realidade e existem mil e uma formas de resolver esta questão mas a chegada do Spotify às consolas da Sony é, pelo menos para mim, um grande “finalmente” e um enorme passo na direcção certa.

Naquele que foi um dos seus primeiros artigos no WASD, senão mesmo o seu primeiro artigo de opinião, não me recordo agora, o nosso Miguel Guerra partilhou connosco o papel da Música nos Jogos e dos Jogos na Música. Claro que não poderia estar mais de acordo com o que foi dito e esta novidade vem bem ao encontro desta linha de pensamento. Quantas vezes não quis eu jogar a um título de Dragon Ball nas consolas ao som da banda sonora da série Anime? E se quiser jogar DriveClub ao som de Prodigy? E em Bloodborne

Na PS3 podemos apenas ouvir a música que o Spotify tem para oferecer, como tal foi a jogar Bloodborne para a PS4 que decidi experimentar esta aplicação. Estava preso no Boss (surpresa das surpresas num título da FromSoftware, certo?) final do jogo e por muito que todo este confronto seja aliciante, que é, não pude deixar de me frustrar com o constante interromper do desenvolver da música. Provocado claro pelas minhas várias mortes. “Olha, vou experimentar o Spotify”. Pede-me para tirar o jogo. “Tudo bem, eu tiro.” Fiz login, e apercebo-me de que os menus são pouco intuitivos e que a biblioteca na consola é pouco vasta. Ou isso ou então é demasiado confusa para que possamos descobrir da melhor forma o que queremos ouvir (a tão chamada “Falta de tacto ou aversão à mudança). O meu smartphone, que estava a rodar o Spotify com música para adormecer o meu recém-chegado rebento, reage ao ver outro Spotify ligado só que numa PS4 e pergunta-me se quero associar a conta. Claro que quero. No telemóvel regresso então aos tradicionais menus desta aplicação e à biblioteca que tão bem sei percorrer. Aproveito para informar que, para além dos smartphones, também podem controlar remotamente o Spotify da vossa consola através do vosso PC ou Tablet.

Rapidamente tudo ficou diferente. Com os sons de diálogo e de efeitos sobrepostos à música, bastaram umas pequenas nuances, aqui e ali, nas definições de som do jogo, para que tudo ficasse perfeito. Acedi a uma das listas que abrange vários dos temas mais emblemáticos da industria dos videojogos e rapidamente Bloodborne, bem como a luta na qual estava preso, atingiram proporções… Ora umas mais épicas, outras mais divertidas e outras sem qualquer sentido. Ele foi a abertura do Chrono Cross, ele foi a abertura do Skyrim, ele foi Shadow of the Colossus, ele foi Final Fantasy, ele foi The Legend of Zelda ele foi… a música de Tetris em jeitos de Ópera. Enfim… Várias entidades, nomes e compositores a trabalhar em conjunto, sem rivalidades, sem preconceitos, não para lucro mas única e simplesmente para o gáudio de um simples jogador que se tenta divertir ao som do melhor que têm para oferecer. Consegui matar o Boss? Não…  Mas que me tenho divertido à brava com isto, lá isso tenho.

Escusado será dizer que já experimentei com outros jogos e o resultado é igual. É pena agora, que o leque de músicas de algumas séries seja limitado ou inexistente no Spotify mas nada que o tempo não resolva. E vocês o que já estão a ouvir e a jogar ao quê?

 

Novos detalhes sobre o próximo título da série Zelda para a Wii U

Teve lugar neste passado fim-de-semana a The Game Awards onde foram premiados os melhores jogos do ano nas mais diversas categorias. Claro que a Nintendo esteve presente e coube a Shinji Myamoto e ao actual responsável por Zelda, Eiji Aonuma, levantar ligeiramente o véu relativamente ao que nos espera no próximo título de Link.

Que vai ser um Open World já é mais do que certo e sabido, no entanto, ninguém fazia ideia do quão extenso será o mapa que vamos ter disponível neste título. Pelo que foi mostrado (podem encontrar o vídeo em cima) este vai ser um mundo enorme e, de acordo com o que foi dito, tudo o que conseguirmos ver constitui cenário que pode ser explorado.

Ao subir uma montanha para obter uma melhor ideia de um local para explorar, Eiji encontra uma torre lá bem ao longe. Convenientemente mostra-nos que podemos marcar um Waypoint e depois basta seguir o mapa, sempre presente no Gamepad. Para descer a montanha, nada mais prático do que o “sail cloth” que já podíamos encontrar em Skyward Sword. Até ao destino por si traçado, a viagem durou cerca de 5 minutos mas ocorreram alguns cortes, pelo que pode ter demorado ainda mais.

Para nos ajudar a atravessar o vasto mundo deste jogo, regressa a Epona. Esta mostra-se mais intuitiva e chega agora com a capacidade de se desviar de obstáculos, como árvores, sem que tenhamos de nos preocupar em controlá-la nessas situações, por exemplo em combate. Basicamente, foi para mim impossível não pensar no Aggro de Shadow of the Colossus que já apresentava estas capacidades. No entanto, a cavalo e agora com mais liberdade, Link pode executar uma série de manobras devastadoras com o seu arco, até mesmo a desmontar-se. Melhor, só mesmo vendo o vídeo.

A nova entrada da série The Legend of Zelda, promete e não é pouco, mostrando-se até bastante ambiciosa. Mas esperem… Será que ouvi bem? O novo Star Fox? Vai também saír no próximo ano e antes de Zelda?

The Legend of Zelda em LEGO®

Micheal Inglis desenvolveu um conceito do The Legend of Zelda para a LEGO, submeteu-o no projecto LEGO® CUUSOO, angariou 10,000 apoiantes e agora a LEGO® vai rever o conceito.

Nintendo faz sala temática do Zelda

No âmbito dos 25 anos do Zelda, a Nintendo criou uma sala temática do Zelda. Fãs de Zelda, deliciem-se!

Últimas notícias