Xbox Game Pass ultrapassa os 10 milhões de subscritores

56

A Microsoft ultrapassou uma importante marca para o serviço de subscrição Xbox Game Pass. Existem já mais de 10 milhões de subscritores entre a Xbox One e o Windows 10, uma marca que representa um crescimento impressionante para este serviço.

Considerando que o Xbox Live tem agora cerca de 90 milhões de utilizadores activos, significa que ainda há bastante potencial para que o Game Pass cresça muito mais. Em paralelo, também o serviço de streaming Project xCloud deverá atrair mais subscritores, tanto nas consolas como no PC. E também temos de considerar quantas pessoas estão nestas últimas semanas em casa à volta do mundo a contribuir para esta marca.

O Xbox Game Pass é o serviço de subscrição de jogos on-demand. Por uma mensalidade, os jogadores ganham acesso a uma carteira de centenas de jogos, entre clássicos, modernos e até de lançamento. Estes jogos podem ser todos instalados na vossa consola Xbox, não possuem limite para serem jogados, mas se terminarem a subscrição, deixam de funcionar.

Desde há alguns meses, o Game Pass também está disponível para PC com Windows 10. Alguns jogos da lista ficam também disponíveis para instalar e usar no mesmo regime, desde que usem a mesma conta Microsoft que têm nas consolas.

O melhor negócio, porém, é o Xbox Game Pass Ultimate que inclui a subscrição do serviço nas consolas, no PC e também a subscrição do Xbox Live Gold, o outro serviço pago que permite ligação online à rede Xbox e ainda oferece quatro jogos por mês para guardar (Xbox One e Xbox 360).

Considerando que novos subscritores podem aderir ao Xbox Game Pass Ultimate por apenas 1€ e que os demais podem subscrever mensalmente por apenas 12,99€, é uma óptima pechincha para jogar sem grandes gastos na rede Xbox. E, melhor, também podem mergulhar logo nos novos lançamentos da chancela Microsoft Xbox no dia de lançamento, como foi o caso de Gears 5, Ori and the Will of the Wisps ou o recente Gears Tactics.

Só a título de comparação, o mesmo género de serviço na consola rival, o PlayStation Now, em Outubro passado reportou apenas 1 milhão de subscritores. Obviamente, dada a pandemia de COVID-19, esta marca terá sido ultrapassada várias vezes, mas a Sony ainda não revelevou mais dados desde então. Considerando, porém, que a PlayStation Network ultrapassou os 100 milhões de utilizadores em Janeiro, a Xbox ainda tem algum caminho para trilhar. Todos estamos com os olhos na próxima geração.