Uplay Plus já disponível… mas com problemas

88

Falhas de acesso, páginas em baixo e confusão nos pagamentos iniciais.

Conforme prometido, o serviço de subscrição de jogos “on demand” da Ubisoft ficou ontem disponível para todos os interessados. Contudo, típico de um projecto desta envergadura, a estreia mundial do Uplay Plus não ficou isenta de problemas.

São centenas de jogos em carteira, entre séries de enorme sucesso como Assassin’s Creed, Far Cry, Splinter Cell, The Division, Watch Dogs e outras a justificar uma subscrição mensal única para ter acesso a todos estes jogos. O serviço estreou-se onde apenas no PC por agora e muitos foram os que tiveram curiosidade de o experimentar. Talvez demais.

Nas primeiras horas de utilização, os sites correspondentes simplesmente não estavam disponíveis, com algumas páginas inacessíveis ou com erros 404. Como se isso não bastasse, subscritores do serviço também tiveram problemas em registar-se, efectivamente privando-os de aceder ao serviço. Mas, nem foram estes os maiores problemas, causados aparentemente por um excesso de procura que os servidores não aguentaram.

Inicialmente, em alguma informação promocional, a Ubisoft aliciou os interessados com uma inscrição gratuita no serviço durante o primeiro mês de actividade. Isto significaria que poderíamos experimentar o primeiro mês, sendo apenas cobrado o mês de Outubro (assumindo que quisessem manter a subscrição). Só que não foi bem isso que aconteceu.

Reportam os inscritos que, após o acto da inscrição e iserção de um método de pagamento, foi feita uma cobrança relativa ao primeiro mês de Setembro. A Ubi já veio esclarecer que essa é uma “pequena quantia de autorização” para validar o métod de pagamento e não uma cobrança do serviço. Infelizmente, dado o caos nos acessos e inscrições, não é possível comprovar esta explicação.

Seja como for, o arranque deste serviço foi muito tremido. Se compararmos com outros serviços “on demand”, como o Xbox Game Pass ou o Origin/EA Access, por exemplo, estes tiveram lançamentos mais faseados e espaçados, talvez para evitar estes congestionamentos. Vejamos como a Ubisoft resolve estes problemas e indefinições nos próximos dias.