Razer apresenta conceito de mesa futurista

24

Chama-se “Project Sophia” e tal como os demais estranhos projectos da Razer, numa primeira abordagem pode parecer estranho, mas acaba por ser um conceito curioso. Uma mesa conceptual para se tornar a “estação de batalha do futuro”.

Apresentado na CES 2022, este novo projecto visa criar uma mesa modular de gaming. Não é algo propriamente novo, havendo já mesas criadas por aí com computadores embutidos e outras ideias curiosas. Só que, até agora, nunca vimos algo tão complexo ou tão elaborado como o que a Razer propõe.

Imaginem um sistema onde podem ter tudo à mão para jogar, desde o óbvio computador embutido, provavelmente algo extraído da linha Blade de portáteis, um ou mais monitores, vários dispositivos de interface, como ecrãs tácteis, tablets de escrita ou desenho, monitorizadores de actividade, câmaras, microfones e até um aquecedor de bebidas. A lógica central do projecto é que tudo isto é personalizável com recurso a 13 módulos instaláveis de forma simples com recurso a ímanes e alterados à vontade do utilizador.

Tudo não passa, obviamente, de um conceito. Já no passado apareceram algumas boas ideias de PCs modulares que depois se demonstraram impraticáveis. Também a própria Razer costuma apresentar projectos muito “à frente” nestes eventos, com um claro objectivo de sondar interesses e tendências.

Assim, é bem possível que o “Project Sophia” não passe disso mesmo, um projecto. Todas as imagens fornecidas são conceitos gerados digitalmente, já agora. Ainda assim, é bom ver a Razer a experimentar e a “sair da caixa” para tentar trazer algo único. Há uns anos, se nos dissessem que iria fabricar cadeiras, máscaras ou peluches, ninguém acreditaria mas… eles aí estão.