PlayStation Store suspensa na China por questões de segurança

37

Parece que, desta vez, não é censura ou alguma proibição questionável. A loja oficial da Sony PlayStation, a PlayStation Store foi temporariamente suspensa na China continental. A alegação é de “questões de segurança”, algo vago, sem dúvida.

Até à data, apenas foi feita uma simples comunicação oficial por parte da Sony. A primeira informação sobre um alegado “desligamento temporário” da loja para efeitos de “melhorias de segurança” surgiu na conta oficial de Twitter da marca em Mandarim. Mas, mais informações foram partilhadas pelo analista Daniel Ahmad da Niko Partners. Informações que trouxeram mais pormenores:

Segundo o analista responde mais abaixo em comentários, o serviço terá sido suspenso logo após uma denúncia de um alegado “fanboy da Xbox” (palavras suas). Esta denúncia dava conta de uma certos elementos de “back door” (porta de acesso oculta) que podem ser abertos para permitir acesso a redes externas. Como o serviço foi desligado logo de seguida, segundo Ahmad, a suposição é que esse possível exploit tenha sido levado bem a sério.

Verdade ou não, a PS Store ainda estará offline até que estas questões de segurança sejam resolvidas. Sobre uma possível censura de Pequim na loja nipónica de jogos digitais, Daniel Ahmad argumenta que os jogos disponíveis nesta loja são já os permitidos pelas autoridades, pelo que um possível acesso a jogos proibidos que resultasse numa suspensão, estará fora de questão.

No passado, já vimos banimentos de jogadores provocados por pressão política, restrições de acesso e mesmo proibições de jogos por parte de Pequim. Desta vez, pelo menos, as autoridades Chinesas não parecem as causadoras.