Plano de actualizações para Ghost Recon: Breakpoint

17

Foi um jogo claramente ambíguo para muita gente. Para muitos, mostrou-se demasiado “experimental”, numa espécie de “compilação” de todos os outros jogos da Ubisoft. Ainda assim, nestas próximas semanas há mais para fazer em Ghost Recon: Breakpoint.

Conforme já sabem, os demais jogos desta produtora foram adiados com datas por definir. E, na altura desse anúncio, ficou no ar a ideia que a Ubi culpava este jogo por essa situação. Contudo, a produtora demonstra que continua a dar suporte ao título e nas próximas actualizações haverá mais conteúdo disponível.

Na próxima actualização 1.03, que chegará a 12 de Novembro, teremos imensos ajustes no rácio de fogo das armas, no lançar de drones, na transição de cobertura, no desgaste de energia (stamina) e melhorias na visão nocturna. Mas, até ao final do mês a Ubi promete uma outra actualização (1.03.1) para outras questões mais prementes do jogo.

Mas, nesse mesmo dia 12, chegam também novas missões de facção do terceiro capítulo. Na missão “A Deadly Trap”, vamos ajudar os locais a proteger-se de um vírus mortal e em “Whitleblower” vamos ajudar numa fuga de refugiados em perseguição pela Sentinel.

Na nossa análise, dissemos que Ghost Recon: Breakpoint “continua a ser um jogo divertido, especialmente com amigos, mas na sua ambição, perde-se”. Vejamos se a Ubisoft consegue convencer a sua base de jogadores a manter o interesse.