Phil Spencer diz que investimento na Bethesda é recuperável mesmo sem outras plataformas

0
Phil Spencer diz que investimento na Bethesda é recuperável mesmo sem outras plataformas

Foram 7.5 mil milhões o valor que a Microsoft pagou para adquirir a Zenimax e os seus estúdios. Um valor impressionante para uma aquisição também impressionante. Se haviam alguns que questionavam a restituição desse valor, Phil Spencer não tem dúvidas.

Segundo o patrão da Xbox numa entrevista ao site Kotaku, não só a Microsoft recuperará o valor gasto, como o podia fazer sem que os jogos fossem multi-plataforma. É uma demonstração de confiança nos jogos da Bethesda, id Software, Arkane, entre outras produtoras de renome mas também, claro, na própria plataforma Xbox.

Mas, isto não significa que seja intenção da Microsoft tornar estes jogos exclusivos da marca Xbox. “Este negócio não foi feito para tirar o jogos de outras plataformas”, disse Spencer. “Queremos que mais pessoas joguem os jogos, não menos pessoas”.

Contudo, pensando nas plataformas disponíveis no mundo Xbox, seja o Project xCloud, Xbox Game Pass, PC e as consolas, “não precisaríamos de lançar os jogos em qualquer outra plataforma (…) para mais ou menos fazer o negócio resultar para nós”, acrescentou Spencer.

Por isso, não se preocupem. Os actuais jogos das produtoras sob alçada da Zenimax que já existam nas consolas PlayStation (e não só), continuarão compatíveis. E mesmo os futuros títulos que estão previstos para várias plataformas, assim deverão manter-se. Contudo, é bem possível que a Microsoft altere a sua visão do mercado se for algo vantajoso. Até porque a Sony, por seu lado, continua também a angariar estúdios e jogos exclusivos para a sua plataforma.

Não há posts para exibir