O modo de campanha de Star Citizen “ficará pronto quando estiver pronto”

0
O modo de campanha de Star Citizen “ficará pronto quando estiver pronto”

É quase um fetiche nosso falar de Chris Roberts, do seu projecto Star Citizen e do seu modo de campanha Squadron 42. Desta vez, o mentor veio a público uma vez mais (não) responder à pergunta que vai na cabeça de todos.

Não entendam mal, uma parte de nós quer que este jogo realmente seja lançado. Mas, há outra parte que não acredita que isso seja uma realidade nos próximos anos, se é que alguma vez aconteça. A história deste título suportado por donativos voluntários, que já ultrapassam os 300 milhões de dólares é longa. Em produção há uns 8 anos, não parece nunca próximo de sair da eterna Alpha ou de chegar a um formato de lançamento. Entretanto, continuam as muitas promessas e longas mensagens de email que a produção envia toda as semanas de forma quase religiosa.

A espectativa é alta, ainda assim. Se a visão de Roberts for alguma vez colocada em jogo, é bem possível que venha a ser um dos maiores títulos de exploração e combate espacial de todos os tempos. Mas, em parte por causa de acusações de fraude, de má gestão e até de má fé no uso de ferramentas de terceiros, a opinião sobre Star Citizen e Squadron 42 não tem melhorado. E depois, o próprio mentor não se poupa em comentários algo polémicos.

Squadron 42 devia ter sido lançado em 2016, depois em 2017, depois em 2018, depois em 2019, depois neste ano e… nada. Ainda não há uma data de lançamento apontada, partilhando da indefinição do restante de Star Citizen. A produção prometeu lançar este modo de campanha com actores de renome numa fase Alpha, mas isso também não aconteceu. E numa recente transmissão a responder às questões da comunidade, Roberts não deu esperanças a ninguém.

“Ainda temos muito para fazer antes de chegarmos à Beta”, disse o produtor, “mas toda a equipa de Squadron 42 está empenhada para entregar algo fantástico”. Sobre a partilha de progresso nesta produção, Roberts disse não estar satisfeito com a comunicação mas alega que não querem “mostrar demais da experiência e da história”. Considerando que este projecto paralelo foi anunciado em 2012, convinha pelo menos sabermos onde está actualmente.

“Squadron 42 ficará pronto quando estiver pronto”, palavras francamente desajustadas para os milhões de dólares investidos mas perfeitamente enquadradas com a comunicação geral que a produtora Cloud Imperium já nos habituou. “Não o vamos lançar para cumprir datas, mas, sim, quando toda a tecnologia e conteúdo estejam completos, polidos e seja algo bom de jogar”, continuou o produtor.

Nada contra querer entregar algo completo e polido. Mas, começa a ser complicado justificar todo este tempo sem um jogo concreto. Continuamos a dizer que, com investidores concretos ao invés de crowdfunders, este projecto já tinha sido cancelado. Ou, então, “cabeças já tinham rolado”.

Não há posts para exibir