Microsoft Flight Simulator apontado para 2020

117

A nova vida para uma das franquias mais antigas de simuladores começará em 2020. No passado fim de semana, a Microsoft convidou um grupo muito restrito de personalidades para experimentar e conhecer o seu Microsoft Flight Simulator.

Embora numa fase Alpha ainda um pouco embrionária, a Microsoft mostrou-se confiante o suficiente para convidar profissionais e entusiastas a experimentar o seu simulador e dar algumas informações novas sobre o mesmo. A principal informação é a data prevista de lançamento, apontada para “meados de 2020”, uma data que até já tínhamos adiantado.

Outra informação importante foi a revelação da equipa responsável pela produção. Trata-se do Asobo Studio, que curiosamente não possuem qualquer experiência em simulação de voo, com o seu jogo mais recente a ser A Plague Tale: Innocence. Antes disso, este estúdio francês trabalhou em diversos títulos infantis e deu suporte a alguns jogos da Ubisoft. Não é, de facto, um bom portefólio para trabalhar em simuladores.

A apresentação decorreu em Seattle no estado de Washington, EUA, mais precisamente junto à fábrica da Boeing. Curiosamente, nenhum canal oficial publicou estes vídeos e temos de partilhar o que foi capturado pelos convidados autorizados. Entre eles, esteve o canal Airboyd que nos mostra, tanto a apresentação, como alguns vídeos muito interessantes.

Nota: A narração e a apresentação estão em inglês, mas a jogabilidade é o que interessa.

No vídeo acima a equipa de produção da Microsoft e Asobo responde a diversas perguntas. Entre elas a integração de experiências multi-jogador, realidade virtual e a muito importante integração de add-ons de terceiros. Mas, quem sabe a pergunta mais interessante tem a ver com a tecnologia de cache dinâmico e computação em cloud. A equipa responde que tudo tem a ver com a frequência com que voamos em algumas regiões, descarregando-as pontualmente de cada vez que é preciso, o que deixa antever algumas questões com o “always online”.

Outra pergunta importante tem a ver com as dinâmicas de voo. Infelizmente, a resposta é um tanto críptica e não nos dá nenhuma certeza de realismo da simulação do voo em si, deixando algumas perguntas no ar. Queremos acreditar que sim, mas recordamos que os anteriores títulos na franquia nunca foram exemplos máximos de realismo de físicas.

Num outro vídeo, o canal Airboyd experimentou voar durante alguns minutos pelo simulador. Destaque no minuto 28:00 para um sobrevoo pela cidade de Lisboa em Portugal. O foto-realismo e a qualidade da meteorologia, aliada à tal tecnologia de computação na cloud, fazem prever grandes momentos de beleza visual. Se depois isto se traduz numa boa simulação de aerodinâmica e físicas, teremos de esperar para ver.

Bom aspecto, sem dúvida. Quem está com questões relacionadas com o PC necessário para correr com esta fidelidade visual, saibam que o simulador será construído em DirectX 11/12, com suporte para a limitada Xbox One. O que pressupõe que os requisitos da capacidade geral de computação não serão assim tão altos.

Como já referimos, Microsoft Flight Simulator tem data prevista para meados de 2020, estreando-se no PC e na Xbox One. Está prevista uma fase Tech Alpha em breve, para a qual já se podem inscrever.