Judgement retirado das vendas por… cocaína

144

Um actor foi apanhado com droga e a SEGA não arriscou.

Com o mesmo ADN da série Yakuza, Judgement é, na verdade, uma espécie de spin-off dessa série. Ou melhor, era. Isto porque, numa manobra algo surpreendente, a SEGA removeu o jogo das prateleiras no Japão, por causa de um actor em particular.

O actor em questão é Pierre Taki, que dá as feições e a voz à personagem Kyohei Hamura neste jogo. Acontece que Taki foi recentemente preso no Japão por alegada posse e confirmado consumo de cocaína. Porque o país tem tolerância-zero aos narcóticos, tudo quanto é relacionado com o actor fica, desde logo, manchado.

Ora, sendo uma personagem fulcral no enredo de Judgement e tendo o jogo já sido lançado no Japão, a SEGA decidiu remover este jogo das vendas nas lojas nipónicas. A ideia será dissociar-se da imagem do actor, pelo vistos. O que é irónico, se pensarmos que estes jogos da série Yakuza abordam tantas vezes o consumo e tráfico de droga.

Desconhece-se qual será a decisão da editora em relação ao futuro do jogo. É bem possível que acabe por ter de substituir o actor, forçando alguma actualização que o troque para quem já tinha comprado o jogo. Por agora, a SEGA resume-se ao silêncio, tendo até apagado inúmeras referências e publicações relacionadas com o jogo, sobretudo contendo imagens do actor nele retratado.

O lançamento de Judgement no Japão ocorreu a 13 de Dezembro do ano passado. Estava previsto estrear por cá a 25 de Junho. Mas, dadas as circunstâncias, é possível que essa data seja adiada, talvez para a SEGA substituir o actor em causa ou, simplesmente, aguardar o seu julgamento. Seja como for, como fãs de Yakuza, estávamos com alguma expectativa neste jogo e ficamos apreensivos com a decisão da editora.