Embracer adquire três estúdios e direitos de The Lord of the Rings

20

O famoso Embracer Group aumentou o seu leque de estúdios adquiridos com a Tripwire Interactive, Tuxedo Labs e Limited Run Games. Ah! E os direitos sobre a franquia The Lord of The Rings… só…

A Tripwire Interactive é responsável, entre outros jogos, por Maneater, Red Orchestra, Chivalry ou Killing Floor. Já os Tuxedo Labs são os responsáveis pelo fenómeno Teardown. Acreditamos que não conheçam bem a Limited Run Games, já que não é bem uma produtora de jogos, mas uma editora de edições limitadas de jogos, especialmente clássicos.

São boas notícias para o crescimento galopante do Embracer Group. Contudo, a notícia mais importante que nos chega hoje, é mesmo a sua aquisição dos direitos sobre a marca The Lord of the Rings. Na prática, isto significa que todos os jogos, séries de televisão ou qualquer outro tipo de suporte multimédia que inclua o lore criado por J.R.R. Tolkien, passam a estar sob alçada desta mega-corporação.

Recentemente, obviamente além dos filmes, há uma nova série de televisão da Amazon quase a estrear. Nos jogos, já teve sucessos como Middle-earth: Shadow of Mordor ou Shadow of War. Futuramente, vamos ter The Lord of the Rings: Gollum (adiado) e um outro título sem nome desenvolvido pela Wētā Workshop. Há, portanto, muito espólio para o Embracer Group explorar nos próximos meses e anos.

O grupo tem vindo a adquirir uma série de empresas de entretenimento, sendo a mais sonante, sem dúvida, a aquisição da Crystal Dynamics e Eidos Montréal, garantindo as importantes franquias de Tomb Raider e Deus Ex. Na sua carteira, conta já com “vultos” como a Saber Interactive, Gearbox Software, Deep Silver e vários outros nomes importantes da indústria.