Disputa na versão PC pode levar ao fim da série Judgement

40

O spin-off da série Yakuza, pode chegar ao fim abruptamente e o próximo Lost Judgement pode muito bem ser o último título. Não porque a SEGA queira terminar tudo neste segundo jogo, mas porque há uma disputa legal entre a produtora e a agência que representa o actor principal.

Depois do sucesso do primeiro Judgement, o segundo título Lost Judgement chegou a ser anunciado também para PC. Pouco tempo depois, a SEGA acabou por reverter a decisão. Ao que parece, uma disputa com a agência de talentos Johnny’s no Japão terá estado na origem do retrocesso. A agência em questão representa o actor Takuya Kimura, que protagoniza o herói da série, Takayuki Yagami.

É que esta agência tem regras muito restritas no que toca à imagem dos seus actores. Regras que, pelos vistos, restringem o uso da imagem de Kimura especificamente no PC. Segundo o site Kotaku a agência não chegou a acordo com a SEGA no que toca às plataformas onde o jogo será editado. Isto pode significar que uma versão PC pode realmente não acontecer, sim, mas também que jogos futuros fiquem pelo caminho.

Quando um jogo depende tanto do talento e imagem de um actor real, é complicado que futuros jogos aconteçam sem a mesma personagem. É possível que a SEGA opte por alterar a personagem por completo (não seria inédito), mas os custo envolvidos poderiam não justificar essa alteração. Ironicamente, apesar da posição da sua agência, Kimura demonstrou-se sempre entusiasta pelos jogos, não fazendo antever estas questões.

Recordamos que o primeiro Judgement também não foi editado no PC, embora surgisse depois no Google Stadia, tecnicamente no PC. A SEGA também reeditou os jogos da série original Yakuza no PC, talvez preparando o caminho para esta outra franquia lá chegar. Não fosse este despique, estamos certos que também chegaria ao PC. São jogos que merecem, de facto, maior audiência.