Disintegration vai encerrar o multi-jogador em Novembro

17

Lançado em Junho deste ano, Disintegration recebeu alguma expectativa. Por detrás do seu desenvolvimento estava uma reconhecida mentes criativa e o conceito era interessante. Mas, as coisas não correram bem e em Novembro, fecham dos servidores.

Quando Marcus Lehto, ex-director de arte criativa na Bungie por 15 anos, apresentou o seu jogo, estamos certos que teria uma grande visão para o mesmo. A sua produtora V1 Interactive esteve mais de 8 anos a produzir o jogo, afinal.

Contudo, análises como a nossa e uma recepção geral meio morna, ditou um lançamento tremido e pouca receptividade ao seu conceito. Dissemos que tinha boas ideias na sua mistura de géneros, mas o seu problema era “a implementação dessas boas ideias”. Para nós, “por vezes parece apressado, noutras parece “encher” para empatar”. E, pelos vistos, os jogadores concordaram connosco, pelo menos no online.

A Private Division e a V1 Interactive preparam-se para encerrar os servidores do modo multi-jogador no próximo dia 17 de Novembro. Isto implica uma vida útil online para o jogo de apenas 5 meses. A motivação, claro está, é a falta de interesse dos jogadores neste modo e os seus custos de manutenção não se justificam.

O modo será removido por completo do jogo de forma faseada, enquanto que a loja dentro do jogo já foi removida. Quanto à campanha a solo, ficará disponível para todos os jogadores.