Codemasters dedica-se exclusivamente ao desporto motorizado

1282

Apesar de hoje em dia a Codemasters ser mais reconhecida por jogos de competição automóvel, o passado desta empresa Britânica é bem mais diverso. Recentemente, porém, a empresa decidiu abraçar exclusivamente nessa sua fama automobilística e dedicar-se a ela a tempo inteiro.

Jogos clássicos como Operation Flashpoint, mesmo que os mais recentes tenham sido flops de vendas depois da cisão com a Bohemia Interactive (Arma III), ainda residem no nosso imaginário. Também outros como LMA Manager ou a série Overlord fazem parte do extenso portfólio da Codemasters. Com o insucesso do mais recente jogo dessa última série RPG (Fellowship of Evil), a empresa britânica decidiu fechar o estúdio responsável pelo jogo. Também com o terminar de uma outra série, desta feita, de jogos de cartas para dispositivos móveis, Battle Decks, o horizonte de projectos da empresa ficou ainda mais estreito.

O foco agora, segundo um comunicado à imprensa, passará exclusivamente pelo desporto motorizado. Sucessos recentes como o fantástico DiRT Rally e o seu popular programa de Early Access na plataforma Steam, a boa recepção do jogo oficial de Fórmula 1, F1 2015 e o histórico de outras séries de desporto motorizado passadas como TOCA Race Driver ou GRID Autosport, deixam bem claro onde está o seu ADN. E até houve uma aventura da Codemasters pelo mundo dos pequenos MicroMachines que até teve algum sucesso. De facto, desde há algum tempo que a empresa tem vindo a dedicar-se, cada vez mais, às de corridas de automóveis, lentamente deixando de lado outros projectos.

Resta saber que jogos futuros tem a Codemasters em vista. A série oficial de Fórmula 1 dificilmente será dada a outro estúdio. Só pedíamos que esta evoluísse positivamente com base nas faltas disponíveis na última edição. Também a série DiRT merece mais edições, com DiRT Rally no bom caminho. E também adorávamos ver um GRID 3 a chegar… será desta?