Battleborn passa a ter versão gratuita

553

O MOBA incompreendido da Gearbox teve um progresso atribulado, acima de tudo eclipsado pela concorrência. Battleborn até possuía qualidade, mas talvez tenha vindo no momento errado. A consequência do seu relativo insucesso é agora tornar-se Free to Play.

Com uma estética estilo banda-desenhada, algum humor e muita vontade de se fazer valer numa altura em que Overwatch se tornava um fenómeno, este shooter até teve alguma recepção positiva. Contudo, lentamente, o jogo começou a cair no esquecimento. E a própria 2K Games também não fez muita questão de dar continuidade à sua promoção.

Por isso, a produção quer dar uma nova vida ao seu jogo. A partir desta semana, Battleborn passou a ser gratuito para todos os interessados. Na verdade, a 2K chama de “trial” gratuita. É que temos acesso apenas às funcionalidades competitivas multi-jogador do título. E o acesso aos heróis é rotativo, apenas permitindo jogar com seis deles em cada semana.

Se desejarem jogar as missões cooperativas, terão de comprar o jogo final. Todos os itens cosméticos e boosters podem mesmo assim ser comprados individualmente através de micro-transacções na loja do jogo.

E todos os jogadores que já tivessem comprado o jogo, terão acesso a alguns bónus especiais. Recebem 50000 créditos mais 1000 unidades de platina, título de “Founder” (Fundador), skins douradas para Mellka e Deande, 5 caixas de loot, 5 packs de Comando de cada facção e 1 caixa de loot “Founder”.

Este processo parece estranhamente semelhante a uma outra evolução de acontecimentos com outro jogo da 2K Games. Ao invés de simplesmente terminar com o suporte ao jogo, permite assim que uma nova esperança surja. Até porque já existem muitos outros concorrentes de Overwatch com relativo sucesso. É o caso do também Free 2 Play Paladins.

Vejamos como irá correr esta nova vida para Battleborn. Esperamos sinceramente que não sofra o mesmo destino do tal outro jogo.