Mais infoProdutora: Demiurge StudiosEditora: UbisoftLançamento: 14/03/2012Plataformas: , , Género:

Dar tiros em robots parece um cliché gasto e sem grande originalidade. Mas se juntarmos um grupo de quatro saloios armados com armas automáticas no meio da América rural e com alguma (muita) dose de humor, talvez a Ubisoft tenha encontrado uma boa fórmula para um mini-jogo de nome Shoot Many Robots. Tal como o nome indica, dá para disparar contra muitos robots e está tudo dito.

Trata-se do primeiro jogo desta produtora Demiurge Studios e não podemos deixar de pensar que criatividade não falta nesta empresa.

A estória é simples. Quatro companheiros tem de fazer frente a hordas de robots que subitamente despertam de fábricas desactivadas um pouco por todos os Estados Unidos. Para isso, têm a seu dispor armas, equipamento e motivação sobre a forma de álcool que neste jogo serve para recuperar energia.

Trata-se de um jogo de plataformas no que a produtora do jogo chama de 2,5D, ou seja, não chega a ser 3D, mas possui gráficos tridimensionais com técnica de texturização chamada “Cell-Shadding” dando um aspecto de desenho animado. Graficamente é um jogo engraçado que não quer ser realista e a prova são as imensas gags e comentários do género que podemos encontrar na América profunda dos cowboys.

A comédia permeia todo o jogo e é impossível não rir com as imensas “bocas” a outros jogos, comentários nas descrições das armas ou até mesmo nas roupas que podemos vestir em cada personagem que variam desde o fato espacial a mexicano psicopata.

Ao todo, podem-se juntar até quatro jogadores em modo cooperativo localmente ou via PSN, Live ou Steam, dependendo da plataforma. O caos é reinante em cada nível, seja em modo de sobrevivência em que combatemos vagas de inimigos cada vez mais fortes ou a cruzar níveis de uma ponta à outra. Infelizmente após umas sessões de jogo, não podemos evitar o sentido de repetição que o jogo transmite.

Conclusão

É um divertido jogo para passar boas horas com os amigos ou mesmo jogar a solo. Não se pode dizer que é um grande jogo, mas não deixa de cativar os amantes de pequenos joguitos descontraídos. Logicamente que gostaríamos de mais modos de jogo ou, pelo menos, mais variedade do que apenas dar tiros em robots de forma linear, mas afinal é este o título do jogo. Sendo assim cumpre.

Esta análise foi realizada com uma cópia de análise cedida pelo estúdio de produção e/ou representante nacional de relações públicas.