Mais infoProdutora: Osome StudioEditora: MicroidsLançamento: 21/11/2019Plataformas: , , , Género: , ,

Os gauleses mais famosos da história estão de volta para mais um título de aventura. Mas será que este Asterix & Obelix XXL 3: The Crystal Menhir consegue ressuscitar esta série e cativar novos jogadores para uma série que parecia estar condenada?

O primeiro jogo desta série foi lançado para a PlayStation 2. São jogos de aventura bastante simples onde controlamos Asterix e Obelix ao longo de vários cenários, como seria de esperar, contra os Romanos. O segundo título foi lançado ainda na PlayStation 2 e foi recentemente adaptado para as consolas actuais, sem grande sucesso, diga-se. Quando foi anunciado este terceiro jogo, fiquei algo céptico, pois tinha receio que a série tivesse envelhecido mal e podia ser outro fracasso como a tal actualização do segundo título. Contudo, The Cristal Menhir é uma surpresa agradável, pois, apesar de ser algo repetitivo e simples, é bastante divertido e funciona muito bem na Nintendo Switch.

A história é algo banal e é o aspecto menos importante do jogo, o que é uma ironia se forem fãs da banda-desenhada, obviamente. Está tudo calmo e tranquilo na nossa aldeia gaulesa quando somos incumbidos de transportar um menir de cristal de forma a salvar a nossa pequena comunidade de Gauleses. Pelo caminho, esperam-nos hordas de Romanos que farão de tudo para nos bloquear os caminhos possíveis para lá chegar.

Podemos controlar os dois heróis da série e ambos têm poderes e habilidades distintas. Existem ainda alguns momentos que temos de nos agilizar para ultrapassar determinado ponto com as proezas de cada um. O combate é simples mas não é aborrecido, sendo indicado para qualquer jogador que queria varrer uns Romanos de forma rápida. Existem alguns momentos que podemos explorar um pouco mais os cenários mas, na maior parte fdo jogo, seguimos um determinado percurso. Esta linaridade não é má, dado que acaba por ser um jogo de aventura. Parece que a produção soube aprender com o tempo que quantidade não é qualidade.

Tratando-se de um jogo com um orçamento algo curto, feito por produtoras mais pequenas, é de louvar o que foi aqui feito, pois estamos perante um bom jogo de aventura, especialmente indicado aos fãs destes heróis. A nível técnico, comporta-se bastante bem, tendo um grafismo bem concebido para a híbrida da Nintendo. As personagens estão bem recriadas e os cenários tem muita cor e detalhe. Todo o ambiente sonoro também cumpre os requisitos e acompanham bem toda a nossa jornada. Mais uma vez, não é nada de extraordinário ou único, mas em nada envergonha os criadores desta obra.

O jogo apenas peca por ser algo curto na duração. E também gostava de ter visto alguma inovação, algo novo em alguns campos, nomeadamente no combate. Ainda assim, e tal como referi lá atrás, é preferível que a produção tenha noção da sua capacidade e que crie uma obra mais simples mas que tenha qualidade, do que dar “um passo maior que a perna”, algo que acabou por acontecer na recente adaptação do segundo jogo.

Veredicto

Asterix & Obelix XXL 3: The Crystal Menhir é um jogo simpático, simples e divertido. Não rompe barreiras, muito menos no hardware da versão analisada para a Nintendo Switch. Ainda assim, é indicao para qualquer fã desta série lendária e para aqueles que procuram um entretenimento rápido que não obrigue a pensar muito. O combate também recebe uma nota positiva e a variedade de níveis está interessante e fiel ao material original.

Esta análise foi realizada com uma cópia de análise cedida pelo estúdio de produção e/ou representante nacional de relações públicas.