“The Abyss” leva-nos para debaixo de água em No Man’s Sky

185

Apesar do título, o “abismo” é só uma referência ao fundo dos oceanos exploráveis.

Tal como prometido, a expansão gratuita The Abyss estreou-se hoje para todos os que já tinham No Man’s Sky. A promessa de algo “estranho”, porém, ficou-se por uma viagem às profundezas oceânicas. Onde as houver em cada planeta, obviamente.

Já estamos mais ou menos habituados a estas manobra de “ilusão” da Hello Games. Com o tipo de letra da série televisiva “Stranger Things” e com a insinuação de “elementos ainda mais estranhos” que “se enquadram com a época”, meia Internet ficou a pensar que esta seria uma expansão bem mais virada para o terror… Estávamos todos longe, claramente.

Na verdade, esta expansão visa levar a exploração planetária para os abismos oceânicos… E, segundo a produção “também uns elementos estranhos em jogo para o Halloween”. Onde? Na a forma de monstros, pelos vistos, nada mais. Enfim.

Agora teremos mais espaços subaquáticos para descobrir e explorar, onde também não faltam naves despenhadas, quais navios afundados. Também termos mais partes de base, obviamente subaquáticas, inclusive uma câmara de descompressão, além de uma nave submarina, o Nautilon, usada para minagem e outras tarefas. E é inevitável não notar uma certa… vá lá… homenagem ao famoso jogo Subnautica.

Como já dissemos, a expansão “The Abyss” é gratuita, tendo ficado hoje disponível como actualização em No Man’s Sky na PlayStation 4, Xbox One e PC.