Suécia pondera considerar caixas de loot como apostas

337

É o mais recente país a anunciar que está a pensar alterar legislação para lidar com este fenómeno.

A onda de insatisfação com as caixas de loot em videojogos continua a mover autoridades de diversos países a tomar posições. Desta vez é a Suécia que está a considerar considerar estas caixas com uma forma de jogo de apostas. Se isto acontecer, restrições seguir-se-ão.

O anúncio foi feito pelo Ministério de Adminstração Pública Sueco ao site P3 News. O Ministro Ardala Shekarabi disse especificamente que as caixas de loot poderão receber estatuto de jogo de apostas em 2019. Se isto acontecer, a Lei Sueca prevê algumas acções para protecção dos jogadores, como limitação de idades ou até a aplicação de restrições específicas.

Esta notícia surge depois de sabermos ontem que a Alemanha também está a considerar restrições a estas opções financeiras das produtoras, considerando que podem violar a Lei nacional no que toca a promoção de apostas junto de crianças e adolescentes. Antes disso, já as autoridades Belgas indicaram suspeitas desta associação de caixas de loot e jogos de azar ou de apostas.

Já são algumas autoridades com maior ou menor intervenção na União Europeia a tomar a dianteira para tentar classificar esta “terra de ninguém”, que se tornou a moda nos jogos modernos de terem caixas de loot com microtransacções. Contudo, ainda não há medidas concretas tomadas, apenas intenções.