Chega amanhã “Warmind” o terceiro DLC para Destiny 2

432

A terceira expansão traz muito conteúdo, segundo a produção “para veteranos e casuais”.

É verdade, apesar da sua queda íngreme de popularidade, Destiny 2 ainda está a receber conteúdo e actualizações de título. A Bungie ainda está empenhada e recuperar a sua base de jogadores e aí está a terceira expansão Warmind com esse objectivo.

Como é habitual, também esta expansão trará consigo novas missões numa nova linha de enredo, mas também novas localizações, armas e equipamento e uma importante expansão do chamado “end game”. Tal como nos anteriores DLCs, os maiores beneficiados serão os veteranos que investiram no jogo, mas a Bungie afirma que também há conteúdo para jogadores casuais.

A nova localização fica em Marte, numa área gelada do seu polo, chamada de Hella Basin. A Hive está muito activa aqui com a sua facção Grasp of Nokris. Ana Bray é a protagonista do novo enredo e procura nesta área inóspita por uma ligação ao seu passado. E quando o gelo derrete, revela a base do infame Rasputin, a Warmind que conhecemos desde o primeiro jogo. Só que a Hive não irá dar tréguas.

No tal “end game”, gostarão de saber que a terceira e última parte do Raid ao Leviathan. “Spire of Stars” será finalmente lançada. E a secção “Eater of Worlds” deste Raid terá também um modo de maior dificuldade Prestige. Contem também com mais três novos Strikes, notem apenas que um deles é exclusivo da plataforma PlayStation 4.

Também surge um novo modo de jogo chamado de Escalation Protocol. Basicamente, é um modo de sobrevivência em sete vagas de inimigos (estilo Horde), algo semelhante aos eventos públicos aleatórios dos mapas. Quem jogou o primeiro Destiny, recordará o modo PvE “Court of Oryx” e este é praticamente idêntico.

No Crucible (PvP), esperem dois novos mapas (Solitude e Survival). E chegam as partidas “ranked” com duas variantes (Glory mais competitiva e Valor para jogadores casuais), partidas “seasonal” e também as muito pedidas partidas privadas. Com os novos desafios, chegam também novas recompensas entre armas e peças de armadura, mas também emotes e outros itens. Haverão também novidades e correcções para este modo, assim como alterações na rotatividade dos mapas.

Com esta expansão também chegarão importantes melhorias e alterações na jogabilidade. As mais significativas prendem-se com ajustes no manuseio das armas e nas recompensas gerais. Muitos destes ajustes têm vindo a ser pedidos pelos fãs há muito tempo e a Bungie parece ter escutado o seu clamor.

A expansão “Warmind” para Destiny 2 chega amanhã dia 8 de Maio. Como é habitual, os servidores serão desligados temporariamente para uma manutenção, seguindo-se a introdução do DLC. Embora a Bungie seja conhecida por “derrapar” horários, por cá os servidores deverão ser desligados entre as 14:00 e as 19:00 (horas de Lisboa).

Poderão descarregar a actualização 1.2.0 (e o hotfix 1.2.0.1) ou a própria expansão (caso tenham o passe de época ou DLC pré-comprado) a partir das 15:00 e aguardar que os servidores regressem. Se tudo correr como planeado e as velocidades das plataformas ajudarem, estarão prontos para jogar antes de jantar.

Com muito entusiasmo, os jogadores receberam Destiny 2 com excelentes avaliações. Até mesmo a versão para PC, embora lançada mais tarde, foi o maior lançamento de sempre da Activision para esta plataforma. Infelizmente, devido a opções da produção (e não só), o jogo caiu bastante em popularidade e a comunidade foi gradualmente abandonando o jogo.

Talvez esta seja a última tentativa da Bungie e da Activision de reorientar o jogo para um futuro mais interessante. O primeiro Destiny também sofreu duros golpes de popularidade mas manteve sempre a sua base de jogadores até ao lançamento do segundo título. Vejamos o que vai acontecer a Destiny 2 daqui em diante. Será que terá um nova vida no futuro, com mais Seasons ou expansões?