E3 2018 – Conferência da Microsoft Xbox

502

Foi descrita por Phil Spencer como a maior das conferências da Microsoft numa E3.

A Microsoft apareceu em força na E3 2018. Talvez a compensar os meses meio mortiços em termos de novidades de suporte para a plataforma Xbox One. Durante os próximos meses, vamos assistir a alguns lançamentos nas suas franquias exclusivas e não só.

Halo: Infinite

A última parte da trilogia de Master Chief pela mão da 343 Industries foi anunciada. O trailer de Halo: Inifinite mostra pouca coisa, dando a entender o que mais importa: John-117 está de volta e parece recarregar uma AI no seu capacete. Será Cortana? O teaser é, de facto, escasso mas visualmente é um deslumbre. Não tem é data prevista de lançamento.

Ori and the Will of the Wisps

A sequela de Ori and the Blind Forest parece manter toda a beleza visual e história enternecedora. O jogo de plataformas parece seguir os eventos do primeiro jogo, inclusive com a sua jogabilidade desafiante. Estão prometidas novas mecânicas de combate e de personalização, mas a fórmula parece melhor que nunca. Está previsto para 2019.

Sekiro: Shadows Die Twice

Da lendária FromSoftware surge aquilo que parece ser um Dark Souls com Samurais. Onde é que já ouvimos isto? Sim, parece mesmo uma resposta directa a Nioh, um exclusivo de outra plataforma. Todo o aspecto do jogo nos recorda um outro exclusivo da consola rival e da mesma produtora: Bloodborne. Mas, com katanas. Este também só chega em 2019.

Fallout 76

A Bethesda na pessoa de Todd Howard subiu ao palco para falar de Fallout 76. Desta apresentação retiramos a ideia que este jogo será passado na Virgínia, EUA e será quatro vezes maior que Fallout 4. Trata-se, porém, de um jogo online com componentes de sobrevivência e construção de bases, tendo sido comparado a títulos como Ark: Survival Evolved. Haverão mais pormenores na conferência da Bethesda.

(vídeo: Kotaku)

The Awesome Adventures of Captain Spirit

Ficámos, de certa forma, curiosos com esta nova aventura da Dontnod Entertainment, passada no universo de Life is Strange. Segundo a Square Enix, este é um jogo em que a imaginação fértil de um pequeno rapaz é trazida à vida. Se isto vos despertar interesse, o jogo está para ser lançado a 26 de Junho e é gratuito.

Crackdown 3

Não, não houve nenhuma surpresa e este jogo da Sumo Digital foi mesmo adiado para 2019. Contudo, porque a promessa da Microsoft se mantém e porque ninguém pode conter Terry Crews, um novo trailer foi mostrado para aguçar o apetite. A acção intensa dos jogos anteriores parece estar de volta, mas só saberemos em Fevereiro de 2019.

Metro: Exodus

Tendo o primeiro jogo estreado na Xbox 360, a parceria entre esta série e a Xbox é natural. Metro: Exodus teve direito a um novo trailer para mostrar o que tem para dar ao som do tema “Angel” de Massive Attack. Dia ou noite, com bom ou mau tempo, na superfície ou debaixo dela, em espaços abertos ou confinados, Artyom chega a 22 de Fevereiro de 2019.

Kingdom Hearts III

Já está em produção há imenso tempo e já sabíamos que ainda demoraria a chegar. A Square Enix apresentou este novo trailer que traz inevitáveis personagens da Disney (os pais reconhecerão Elsa de Frozen) e uma total confusão de acção com diálogos igualmente confusos. Este novo jogo da série chegar a 29 de Janeiro de 2019.

Forza  Horizon 4

Finalmente a série chega ao Velho Continente e traz toda a acção às estradas Inglesas. Mantém muitas das características sociais que tornaram esta série tão famosa, mas agora dá um passo em frente ao criar um mundo partilhado em tempo real com todos os jogadores e com ciclos de dia e noite e meteorologia dinâmica. Será lançado a 2 de Outubro.

Battlefield V

O prometido é devido e a Electronic Arts mostrou mesmo mais alguns pormenores do seu próximo shooter Battlefield V durante esta conferência. Neste curto teaser temos um primeiro contacto com o que estará em oferta no modo de carreira a solo War Stories. Já sabem que o jogo irá chegar a 19 de Outubro deste ano.

The Division 2

A Ubisoft também aproveitou esta conferência para mostrar em primeira mão o que está a planear para o seu próximo shooter MMO. Parece que a fórmula foi amplamente remodelada, tentando manter o ritmo e as missões partilhadas cooperativamente. Contudo, tendo em conta o que aconteceu com o primeiro jogo, prudência nessas vossas expectativas. Chegará a 15 de Março de 2019.

Shadow of The Tomb Raider

Finalmente pudemos ver Lara Croft em acção neste novo vídeo. Contudo, do pouco da jogabilidade que pudemos ver, parece mais uma repetição da oferta dos dois últimos jogos deste reboot de Tomb Raider. Hey, não há nada de errado nisso! Especialmente porque aqui Lara parece tornar-se num autêntico Comando. Este jogo chega a 14 de Setembro.

Session.

Não, não é um erro, é mesmo “Session.” com um ponto final. Os fãs da série Tony Hawk quase, quase explodiram de alegria. É um jogo de skating, sim, mas é algo novo pela mão do estúdio Crea-ture. Como trunfos, a produção aposta num “novo esquema de interacção que dá total controlo ao jogador”. Não foi dada uma data para subir para a prancha.

Devil May Cry 5

Os rumores andavam por aí, mas só nesta conferência se materializaram. A Capcom não perdeu a oportunidade de mostrar o que fazer neste jogo: matar demónios, seja a pé a dar “espadeiradas”, seja a alta velocidade ao tiros numa janela de automóvel. A acção frenética, pelo menos, promete. Este jogo será lançado na Primavera do próximo ano.

Jump Force

O título é algo enganador. Não se tratada de um jogo de plataformas ou algo do género. Jump Force da Bandai Namco junta heróis improváveis de vários universos da manga, naquilo que parece ser um brawler. Será? Colocar frente a frente heróis e vilões de séries como Dragon Ball ou Naruto? Porque não? Mas, terão de esperar pelo próximo ano.

Dying Light 2

A Techland está de volta e cheia de força com esta sequela do grande jogo de sobrevivência com zombies e parkour. Agora, a escala da acção é muito maior, com ênfase na construção de bases e na gestão de comunidades de sobreviventes. Também a história e os diálogos merecem maior atenção com repercussões profundas nas decisões. Não foi data nenhuma data de lançamento concreta.

Battletoads

Nada sabemos deste jogo. Foi apenas apresentado um teaser animado e sem qualquer informação ou vislumbre da acção. muito tempo passou, de facto. E se querem saber o que os DLaLa Studios estão a preparar, terão de esperar por 2019.

Just Cause 4

Não era surpresa nenhuma depois da fuga de informação no Steam. Contudo, foi a primeira vez que vimos mesmo Rico Rodriguez de volta à acção. A Avalanche está cheia de vontade de aumentar a escala e o volume da acção explosiva da série. E juntam aqui e ali uns fenómenos atmosféricos para dar substância. Será lançado a 4 de Dezembro deste ano.

Gears of War 5

Já era de esperar que o segundo jogo da nova era de Gears of War pela mão da The Coalition fizesse aqui a sua aparição. Contudo, além deste título, outros dois foram revelados nesta série: Gears POP! com as simpáticos bonecos da Funko e Gears Tactics, um jogo de estratégia para dispositivos móveis. Claro que o destaque vai mesmo para Gears 5 e a nova aventura de Kait com estreia para 2019.

Cyberpunk 2077

Foi a grande surpresa da noite, interrompendo o discurso final de Phil Spencer. A CD Projeckt RED leva-nos além do universo fantástico que criou em The Witcher para um futuro utópico cheio de andróides e humanos “melhorados”. Há tanta coisa para absorver neste trailer que o comboio do hype é agora um autêntico TGV. Estamos muito ansiosos para ver o que a CDPR fez. Infelizmente, só chega em 2019.

Estes foram os principais destaques de uma longa conferência em que a Microsoft Xbox se vangloriou de ter ao maior showcase de jogos de sempre… mas nem todos são exclusivos. Uma vasta maioria dos títulos apresentados foram jogos multiplataforma e muito poucos de produção interna. E uma boa parte destes títulos nem sequer chegarão neste ano.

Noutros anúncios de jogos exclusivos, Sea of Thieves terá duas expansões nos próximos dois meses, tal como Cuphead com “The Delicious Last Course“, mas esse só em 2019. E PUBG terá também mais algum conteúdo adicional nos próximos meses.

No que toca a terceiros, houve ainda a indicação que NiER: Automata terá a sua estreia na Xbox One ainda neste mês e um vislumbre do que estará para chegar nas próximas semanas com We Happy Few, Black Desert Online, Tales of Vesperia, Hiper Universe e Tunic.

Como seria de esperar, Phil Spencer defendeu a marca com muitas promessas. A maior foi a do anúncio do início da produção da próxima geração de consolas Xbox. Sem nada para mostrar, porém, será mais um anúncio para acalmar accionistas.

Também foi anunciada a criação de uma nova produtora interina, The Initiative, além da aquisição das produtoras Undead Labs (State of Decay), Playground Games (Forza Horizon), Ninja Theory (Hellblade) e Compulsion Games (We Happy Few).

Também foi de assinalar o nobre investimento no apoio à produção de Indies com o programa ID@Xbox. Haverão mais jogos Xbox One X Enhanced para tirar partido das capacidades desta consola. E não podemos esquecer a contínua expansão da oferta do serviço Xbox Game Pass, com o compromisso de trazer mais e melhores títulos, inclusive estreias nos dias de lançamento, como no caso de Forza Horizon 4 e Gears 5.