Mais infoProdutora: SCS SoftwareEditora: SCS SoftwareLançamento: 29/11/2018Plataformas: Género: ,

Tal como o título indica, esta nova expansão para Euro Truck Simulator 2 leva-nos para além do Mar Báltico. Esta é mais uma expansão de território no, já de si, vastíssimo terreno para percorrer neste simulador. Mais quilómetros para a vossa empresa de camionagem.

Como em quase todas as minhas análises a expansões que a SCS Software nos traz, faço sempre a mesma observação. Portugal continua de fora nestas expansões de território. Uma vez mais, à conversa com a produção, mesmo sem grandes promessas, esta hipótese nunca é negada mas, ainda não foi desta. “Beyond the Baltic Sea” é, no entanto, uma enorme adição de estradas e destinos para o jogo. Com este DLC, vamos chegar à pare mais ocidental da Europa, incluindo países como a Lituânia, Letónia e Estónia, roçando ainda partes da Rússia e o sul da Finlândia. Isto inclui, obviamente, as estradas, mas também cidades, vilas, locais de interesse e pontos históricos. Voltemos à estrada, então.

Se há destinos que nunca pensei visitar, estes são um bom exemplo. Não porque menospreze a sua cultura ou localização mas, convenhamos, só de há uns anos para cá, sobretudo depois de se juntarem à União Europeia, é que estes países tem feito alguma publicidade como destino turístico. Para minha surpresa, porém, estas regiões até possuem uma beleza peculiar em alguns locais, bem típica do norte da Europa. Outros, nem por isso. Não deixa de ser bastante irónico que seja um simulador de camionagem a dar-me uma visita guiada por países que, de outra forma, provavelmente, nunca iria visitar.

Em termos de reprodução, é o que esperam da qualidade habitual da SCS Software. Não que possa comparar com a realidade, mas assumo que todas estas 24 cidades e outras tantas vilas, portos, zonas industriais e vastos quilómetros de estradas e paisagens, tenham sido recriados de forma cuidada. Recordo que este vasto território é recriado à escala, numa dimensão reduzida pelas razões óbvias. De qualquer das formas, é impressionante viajar por estas estradas cheias de pormenor e chegar a locais icónicos como a capital Tallin na Estónia ou mesmo a gigante São Petersburgo na Rússia.

Turismo à parte, temos mais de 13000 quilómetros de estrada para desbravar. Com esta nova infraestrutura para trilhar, infelizmente, não há nada de realmente novo para fazer em termos de trabalhos com os camiões. Bom, quase nada. Na Finlândia, podemos apostar nos chamados “Transportes de Alta Capacidade”, que se resume a transportar dois trailers num único tractor. É um trabalho específico, só possível na Finlândia e que nos dá só mais um pouco de dimensão ao rodado. Não adiciona muito mais desafio que o de manobrar um conjunto maior. Seria interessante termos uma expansão de empresas disponíveis ou até de novos tractores. Contudo, não é o caso.

Esta é só uma pura expansão de território. O que é sempre fantástico para dar mais uma horas ao hobby (ou vício, depende). Também serve para conhecer novos países e trilhar por mais novas estradas que ainda não conhecíamos. O que terá valor para os veteranos camionistas virtuais que pretendem apenas ter novos destinos para seguir com a sua empresa. O interesse de adquirir esta expansão é obviamente proporcional ao vosso desejo de expandir o território, também aliado ao vosso investimento de tempo e recursos para este jogo. Com um custo de 17,99€, porém, talvez não seja o destino mais apetecível para conduzir. Olhem para o outro lado da Europa, produção!

Veredicto

Como expansão, “Beyond the Baltic Sea” cumpre o objectivo de nos dar mais estradas e destinos em Euro Truck Simulator 2. O jogo, esse, continua igual a si próprio, sendo ainda o melhor do seu género de condução de veículos pesados. Nada é ameaçado com uma simples expansão de território. Contudo, o investimento nestas expansões é difícil de justificar se não acrescenta muito à jogabilidade. Os Transportes de Alta Capacidade são interessantes, mas não criam grandes diferenças na condução. Seria bom recebermos mais tractores ou mais trabalhos diferentes ou outras novidades na jogabilidade. Por agora, são só mais uns quilómetros para percorrer, em destinos que, se calhar, nem conhecemos.

Esta análise foi realizada com uma cópia de análise cedida pelo estúdio de produção e/ou representante nacional de relações públicas.