Mais infoProdutora: SCS SoftwareEditora: SCS SoftwareLançamento: 09/11/2017Plataformas: Género:

Já lá vai um tempo desde que subíamos à cabine do nosso camião. Da última vez, fomos até França no nosso colosso Europeu. Agora, American Truck Simulator leva-nos até às paisagens arrebatadoras do Novo México, numa expansão realmente grandiosa.

Depois de ter aumentado a escala dos mapas deste simulador, a SCS Software virou-se para os DLCs de expansão de território. Contudo, apesar da primeira expansão de mapa do Arizona ter sido inteiramente gratuita para os jogadores, este Novo México é a primeira expansão paga para o jogo, além de uns pacotes decorativos. O que, para um jogo lançado no início do ano passado até é aceitável, tendo um preço até simpático e acessível. Obviamente que, ter um novo território é perfeitamente opcional, uma vez que o jogo base tem já uma considerável quilometragem para conduzir. Contudo, ao aumentar a sua dimensão, também aumentamos a quantidade de trabalhos e horas de jogo. E todos os pretextos para voltar à estrada são válidos, como é óbvio.

O que atrai tanta gente a sentar-se atrás de um volante virtual durante horas a fazer quilómetros de transporte de carga? Cada jogador terá a sua justificação. Para mim é um momento até terapêutico, excelente para pausar a acção de outros jogos mais exigentes. Obviamente que, quem não gosta de conduzir sem competição ou velocidade vai odiar este tipo de simulador. Contudo, há todo um jogo de gestão financeira por detrás, sem esquecer o desafio da condução em condições mais complexas, com chuva, de noite, com tráfego mais elevado ou com obstáculos, sem esquecer a técnica envolvida na manobra e estacionamento de atrelados. Não tem a adrenalina de jogos de corridas, mas há aqui qualquer coisa de desafiante em entregar as encomendas intactas e no tempo certo.

O Novo México ou a “Terra de Encanto” como é conhecido este Estado Norte-Americano, é um destino incrivelmente diversificado. O cenário típico da região possui áreas desertas mas também diversas paisagens rochosas e zonas verdes. Estas áreas são sempre cortadas por extensas estradas, na sua maioria vastas rectas a perder de vista. Neste DLC poderão visitar muitas áreas interessantes, desde Rio Grande, até à Floresta Nacional de Carson, o famoso Baylor Peak e a famosa Pyramid Rock. Pelo meio, há 14 cidades e povoações devidamente modeladas (sim, podem visitar a mítica cidade de Roswell para procurar ETs), com um bom nível de detalhe de modelos e texturas, aproveitando o excelente motor gráfico do jogo.

São mais de 4000 milhas de estrada para percorrer, neste que é o quinto maior Estado dos EUA. O que significa que há mais uma quantas paragens para descanso, postos de gasolina, concessionários, garagens e muito mais. Mas, para nos dar mais trabalho, também é preciso que tenhamos mais tarefas. Foram adicionadas mais oito novas empresas com as mais diversas ofertas de trabalho de transporte. Não há muitas diferenças no tipo de transporte com este DLC mas, pelo menos, não nos aparece a mesma tarefa ou carga de forma tão repetida. Os mais interessados em completar os seus jogos, também gostarão de saber que há novos achievements para desbloquear.

Obviamente que muitos se perguntarão porque é que a SCS lança um território como DLC e não o inclui como parte do jogo base. Não preciso explicar o processo complexo de replicar um território tão vasto em videojogo, mesmo que não esteja à escala real. Por outro lado, os jogos na plataforma Steam, costumam baixar de preço várias vezes. Assim, um DLC que custa cerca de 12€, para um jogo base que custa 20€, não parece um investimento assim tão avultado. Por outro lado, financiar a produção desta forma, garante que, tal como está a acontecer com Euro Truck Simulator, teremos no futuro todo o território dos EUA coberto. E eu ainda quero percorrer este país “coast to coast”.

Veredicto

Depois da Califórnia e do Nevada do jogo base, além da expansão gratuita do Arizona, há mais umas quantas razões para voltar à estrada em American Truck Simulator. São muitas milhas e muitos novos pontos de interesse para abordar, mantendo toda a qualidade que este jogo já nos garantiu ao longo dos últimos meses. Apesar de não trazer muita coisa realmente nova, este Novo México oferece a óbvia expansão de território, repleto de pormenores interessante e que ampliam as horas de jogo e a motivação para expandirmos a nossa empresa de camionagem. E, não… não encontrámos nada de estranho em Roswell, infelizmente.